Calibração cósmica

Esta imagem mostra o Local de Apoio às Operações do Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA) com a Lua a brilhar no céu e duas antenas de 12 metros em primeiro plano.

O Local de Apoio às Operações, situado 2900 metros acima do nível do mar nos Andes chilenos, é o centro das atividades relacionadas com o ALMA. Para além de albergar o pessoal do ESO e pessoal contratado, a infraestrutura acolhe ainda todas as operações científicas relacionadas com a operação diária da rede. As duas antenas que aqui vemos, por exemplo, foram trazidas do seu local de observação para se verificar o seu desempenho, tendo sido para isso colocadas em locais de calibração especiais. Tais testes verificam os computadores e motores e garantem que as superfícies das antenas são precisas a menos da espessura de um cabelo humano e que estas podem ser apontadas de forma suficientemente precisa para detectar uma bola de golfe a 15 km de distância.

Assim que as verificações estiverem completas, as antenas regressarão para junto das suas companheiras no planalto do Chajnantor, a 5000 metros de altitude. Com um peso de 100 toneladas cada uma, o seu deslocamento faz-me por meio de um transportador especial. Conhecidas por Otto e Lore, estas duas máquinas gigantescas — que atingem uma velocidade máxima de 12 km por hora — deslocarão as antenas de volta às suas posições de observação, onde, uma vez mais, voltarão a explorar os mistérios do Universo.

Créditos:

ESO/A. Duro

Sobre a imagem

Id:potw1641a
Língua:pt
Tipo:Fotográfico
Data de divulgação:10 de Outubro de 2016 às 06:00
Tamanho:5001 x 3334 px

Sobre o objeto

Nome:ALMA OSF
Tipo:Unspecified : Technology : Observatory : Facility

Formatos de imagens

JPEG grande
6,9 MB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
331,8 KB
1280x1024
567,0 KB
1600x1200
839,6 KB
1920x1200
999,8 KB
2048x1536
1,4 MB

 

Veja também