VLTI revisita a maior estrela hipergigante amarela descoberta até à data

Pode não parecer grande coisa, mas esta mancha gorda mostra a notável estrela chamada V766 Centauri (V766 Cen) e a sua companheira próxima. Esta estrela foi estudada e classificada pela primeira vez há alguns anos atrás por investigadores que usaram o Interferómetro do Very Large Telescope do ESO (VLTI), quando se descobriu que este objeto era uma hipergigante amarela, um tipo extremamente raro de estrela muito massiva e luminosa e extremamente grande! Com mais de 1400 vezes o diâmetro do Sol, a V766 Cen não é apenas a maior estrela do seu tipo descoberta até à data, é também uma das dez maiores alguma vez descobertas.

No entanto, um estudo recente sugeriu que a V766 Cen estaria na fase anterior à de uma hipergigante amarela: uma supergigante vermelha evoluída a perder massa tão depressa que eventualmente fará de novo a transição para uma supergigante amarela mais quente durante um curto período de tempo. De qualquer modo, esta estrela é um verdadeiro monstro e de grande interesse para os cientistas que querem saber mais sobre esta fase invulgar do ciclo de vida das estrelas.

Uma equipa de astrónomos usou de novo o VLTI para estudar a V766 Cen com maior detalhe. Usando a rede dos quatro Telescópios Auxiliares e um instrumento montado no VLTI chamado PIONER (Precision Integrated-Optics Near-infrared Imaging ExpeRiment), a equipa obteve imagens de grande precisão da V766 Centauri e da sua companheira. Os cientistas descobriram que esta companheira é mais pequena e mais fria que a sua parceira — provavelmente uma gigante ou supergigante fria com um raio de cerca de 650 vezes o do Sol. Pensa-se que as estrelas massivas têm tipicamente companheiras próximas, as quais desempenham um papel importante nos processos de evolução estelar.

Ests Fotografia da Semana mostra a V766 Cen vista em três períodos de tempo diferentes. Na realidade, as imagens contêm tanto a V766 Cen como a sua companheira — na primeira imagem a companheira passa por trás da V766 Cen, mas na segunda e terceira imagens a companheira está a passar em frente e pode ser vista como uma mancha brilhante.

Links

Créditos:

ESO/M. Wittkowski (ESO)

Sobre a imagem

Id:potw1740a
Língua:pt
Tipo:Montagem
Data de divulgação:2 de Outubro de 2017 às 06:00
Tamanho:984 x 416 px

Sobre o objeto

Nome:HR 5171
Tipo:Milky Way : Star : Evolutionary Stage : Red Supergiant
Milky Way : Star : Grouping : Binary
Distância:12000 anos-luz

Formatos de imagens

JPEG grande
67,2 KB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
82,7 KB
1280x1024
104,5 KB
1600x1200
135,0 KB
1920x1200
164,8 KB
2048x1536
181,2 KB

Cores e filtros

BandaComprimento de ondaTelescópio
Infravermelho1.59 μmVery Large Telescope Interferometer
PIONIER
Infravermelho1.58 μmVery Large Telescope Interferometer
PIONIER
Infravermelho1.58 μmVery Large Telescope Interferometer
PIONIER