Comparação de imagens visíveis e infravermelhas da nuvem molecular Orion A

Esta sequência compara a nova imagem infravermelha de Orion A obtida pelo telescópio de rastreio VISTA, instalado no Observatório do Paranal do ESO no norte do Chile, com uma imagem visível da mesma região do Digitized Sky Survey 2 (DSS).

Esta nova imagem VISTA faz parte do maior mosaico infravermelho de alta resolução de Orion obtido até hoje e cobre a nuvem molecular Orion A, a fábrica de estrelas massivas mais próxima que se conhece, situada a cerca de 1350 anos-luz de distância da Terra. As novas imagens infravermelhas revelam muitas estrelas jovens e outros objetos que normalmente se encontram profundamente enterrados no coração das nuvens de poeira.

Crédito:

Credits: ESO/VISION survey/Digitized Sky Survey 2.
Music: Johan B. Monell

Sobre o Vídeo

Id:eso1701d
Idioma:pt-br
Data de divulgação:4 de Janeiro de 2017 às 12:00
Notícias relacionadas:eso1701
Duração:54 s
Frame rate:30 fps

Sobre o objeto

Nome:Orion Molecular Cloud, Orion Nebula
Tipo:Milky Way : Nebula : Type : Star Formation

Ultra HD (info)


HD


Médio


For Broadcasters


Veja também