La Silla estrelada

As estrelas giram em torno do polo sul celeste durante a noite, no Observatório de La Silla do ESO no norte do Chile. As partes tremidas dos rastros, no lado direito, correspondem às Nuvens de Magalhães, duas galáxias pequenas, vizinhas da Via Láctea. A cúpula que se vê na imagem pertence ao telescópio de 3,6 metros do ESO, onde está montado o instrumento HARPS (sigla em inglês para High Accurate Radial velocity Planet Searcher), o principal descobridor de exoplanetas do mundo. O edifício retangular que aparece em baixo e à direita abriga o telescópio TAROT de 0,25 metros, concebido para reagir muito depressa quando é detectada uma explosão de raios gama. Em La Silla encontram-se ainda, entre outros, o telescópio MPG/ESO de 2,2 metros, e o New Technology Telescope de 3,58 metros, o primeiro telescópio a utilizar ótica ativa e, como tal, percursor de todos os telescópios grandes modernos. La Silla foi o primeiro observatório do ESO, permanecendo ainda hoje um dos principais locais de observação no hemisfério sul.

Crédito:

Iztok Bončina/ESO

Sobre a imagem

Id:potw1043a
Idioma:pt-br
Tipo:Fotográfico
Data de divulgação:25 de Outubro de 2010 às 10:00
Tamanho:5444 x 3649 px

Sobre o objeto

Nome:La Silla
Tipo:Unspecified : Sky Phenomenon : Night Sky : Trail : Star

Mounted Image

Formatos de imagens

JPEG grande
8,7 MB

Zoom


Papéis de parede

1024x768
437,9 KB
1280x1024
718,7 KB
1600x1200
1020,3 KB
1920x1200
1,2 MB
2048x1536
1,6 MB