Imagem da superfície de Betelgeuse tirada em dezembro de 2019

A estrela supergigante vermelha Betelgeuse, na constelação de Orion, sofreu um escurecimento sem precedentes no final de 2019 e início de 2020. Esta imagem impressionante da superfície da estrela foi tirada com o instrumento SPHERE no Very Large Telescope do ESO em março de 2020, e é um dos imagens tiradas durante uma campanha de observação com o objetivo de entender o motivo da diminuição de brilho desta estrela. O brilho de Betelgeuse voltou ao normal em abril de 2020.

Os astrônomos agora entendem que a queda de brilho de Betelgeuse foi o resultado de um véu de poeira ejetado pela estrela, que escondeu parcialmente a sua região sul.

Foi divulgada uma versão anterior desta imagem no início de 2020.

Crédito:

ESO/M. Montargès et al.

Sobre a imagem

Id:eso2109e
Idioma:pt-br
Tipo:Observação
Data de divulgação:16 de Junho de 2021 às 17:00
Notícias relacionadas:eso2109
Tamanho:798 x 798 px

Sobre o objeto

Nome:Betelgeuse
Tipo:Milky Way : Star : Evolutionary Stage : Red Supergiant
Constellation:Orion

Formatos de imagens

JPEG grande
38,2 KB

Coordenadas

Position (RA):5 55 10.31
Position (Dec):7° 24' 25.44"
Field of view:0.00 x 0.00 arcminutes
Orientação:O norte está a -0.0° à esquerda da vertical

Cores e filtros

BandaComprimento de ondaTelescópio
Óptico
H-alpha
645 nmVery Large Telescope
SPHERE