A noite chega ao Paranal

Imagine que acabou de ver um pôr do sol magnífico do cimo do Cerro Paranal. À medida que o deserto do Atacama desaparece silenciosamente na noite, o Very Large Telescope do ESO (VLT) abre os seus poderosos olhos ao Universo. Com este espectacular panorama de 360 graus, podemos imaginar o que veríamos se nos encontrássemos no local, perto da limite sul da plataforma do VLT.

Em primeiro plano, o quarto dos Telescópios Auxiliares do VLT (sigla do inglês AT4) está a abrir. À esquerda, o Sol já se pôs sob o oceano Pacífico - coberto de nuvens abaixo da altitude do Paranal, como de costume. Ao longo da plataforma, os outros três Telescópios Auxiliares podem ser vistos em frente aos enormes edifícios dos quatro telescópios de 8.2 metros do VLT. Finalmente, a Residencia e as outras infraestruturas do campo de base também se avistam a curta distância, próximo do canto direito da imagem.

Quando a noite começa, imagine que fica imerso num silêncio absoluto, dificilmente interrompido pelo vento ou algum movimento subtil destas máquinas gigantes. É difícil de acreditar que uma intensa actividade se processa no Edifício de Controlo do VLT, situado no declive da montanha, mesmo por baixo do nível da plataforma, em direção ao pôr do Sol. Aqui os astrónomos e os operadores de telescópios começam as primeiras observações da noite.

Links

Créditos:

ESO

Sobre a imagem

Id:potw1235a
Língua:pt
Tipo:Fotográfico
Data de divulgação:27 de Agosto de 2012 às 10:40
Tamanho:50216 x 5993 px

Sobre o objeto

Nome:Panorama, Paranal, Very Large Telescope
Tipo:• Solar System : Sky Phenomenon : Light Phenomenon : Sunrise-Sunset
• Unspecified : Technology : Observatory
• X - Paranal

Formatos de imagens


Zoom


Papéis de parede

1024x768
179,9 KB
1280x1024
298,1 KB
1600x1200
433,8 KB

Veja também