ann12100-pt — Anúncio

Trânsito de Vénus reflectido pela Lua

14 de Dezembro de 2012

No dia 6 de junho de 2012, Vénus passou diretamente entre a Terra e o Sol, tendo por isso aparecido em silhueta contra o fundo do disco solar. Um tal trânsito de Vénus não voltará a acontecer antes de 5 de dezembro de 2117. O trânsito não pôde ser observado a partir dos observatórios do ESO no Chile, já que o Sol se encontrava nessa altura abaixo do horizonte. No entanto, sem se deixar esmorecer, uma equipa de astrónomos italianos liderados por Paolo Molaro do Instituto Nazionale di Astrofísica da Universidade de Trieste, aproveitou a oportunidade para tentar uma experiência desafiante: observaram a luz solar reflectida pela Lua para ver como é que variava durante o eclipse. Esta medição, obtida com o espectrógrafo HARPS (sigla do inglês para High Accuracy Radial Velocity Planet Searcher) do ESO, instalado no telescópio de 3.6 metros do ESO, em La Silla, Chile, poderá ajudar os cientistas a descobrir planetas em
orbita de outras estrelas. A equipa publicou os seus resultados na revista da especialidade Monthly Notices of the Royal Astronomical Society.

Mais Informação

Este novo trabalho foi descrito no artigo científico, "Detection of the Rossiter–McLaughlin effect in the 2012 June 6 Venus transit", P. Molaro, L. Monaco, M. Barbieri & S. Zaggia, que será publicado na revista da especialidade Monthly Notices of the Royal Astronomical Society: Letters.

Links

Contactos

Paolo Molaro
INAF - Astronomical Observatory of Trieste
Tel: +39 (0)40 3199299
Email: molaro@oats.inaf.it

Richard Hook
ESO, La Silla, Paranal, E-ELT & Survey Telescopes Press Officer
Garching bei München, Alemanha
Tel: +49 89 3200 6655
Telm: +49 151 1537 3591
Email: rhook@eso.org

Sobre o anúncio

Id:ann12100

Imagens

Rastos de estrelas por cima do telescópio de 3.6 metros do ESO
Rastos de estrelas por cima do telescópio de 3.6 metros do ESO