Escolha o seu idioma:

ann13030-pt-br — Anúncio

Prêmio Tycho Brahe 2013 entregue a Massimo Tarenghi

19 de Março de 2013

A Sociedade Europeia de Astronomia concedeu o Prêmio Tycho Brahe 2013 a Massimo Tarenghi, reconhecendo o seu papel central no desenvolvimento do Observatório Europeu do Sul, o que levou a Europa a assumir o papel de líder mundial na astronomia no solo.

O prêmio Tycho Brahe reconhece o uso e desenvolvimento excepcional de instrumentos europeus e honra descobertas pioneiras utilizando esses instrumentos. O trabalho de Tarenghi levou à mudança de vários paradigmas das técnicas observacionais e metodologias.

Durante 35 dos 50 anos da história do ESO, Massimo Tarenghi desempenhou papeis cruciais no desenvolvimento da Organização, até esta chegar ao seu atual estado de observatório líder com várias infraestruturas. Ao integrar o pessoal do ESO em 1979, Tarenghi foi Cientista de Projeto e depois Diretor de Projeto, do telescópio MPG/ESO de 2,2 metros, construído e operado pelo ESO em La Silla. Este telescópio ainda se encontra em funcionamento e com o instrumento Wide Field Imager, tem sido responsável por muitos dos programas de rastreio e imagens espetaculares, tão conhecidas entre os astrônomos de todo o mundo.

Tarenghi foi nomeado em seguida Diretor de Projeto do New Generation Telescope (NTT). Juntamente com a sua equipe, implantou o uso da óptica activa com resultados extraordinários desde a primeira luz, o que pavimentou o caminho para telescópios futuros. O uso da relativamente leve óptica controlada ativamente numa montagem altazimutal tornou-se mais tarde o ponto de partida do projeto Very Large Telescope do ESO, do qual Tarenghi foi nomeado Diretor de Projeto em 1988. Tornar realidade este enorme projeto tão complexo, exigiu um planejamento cuidadoso e dedicado. No entanto, mais do que desenvolver apenas uma rede de novos telescópios pioneiros de vanguarda, Tarenghi foi também crucial na criação dum observatório inteiramente novo no Cerro Paranal, tendo-se tornado o seu primeiro Diretor.

Durante o desenvolvimento do projeto multinacional do Atacama Large Millimeter/submillimeter Array, Tarenghi desempenhou diversos cargos importantes, entre eles Diretor Interino e Diretor de Projeto Interino, e em 2003 foi nomeado o seu Diretor, cargo que desempenhou até 2008. Nomeado Representante do ESO no Chile em dezembro de 2008, Tarenghi pôde, uma vez mais, influenciar futuros eventos ao preparar terreno no Chile para a decisão de seleção do local para o European Extremely Large Telescope, que ficou eventualmente decidido em 2010.

O prêmio Tycho Brahe é financiado pela organização sem fins lucrativos Klaus Tschira Stiftung, estabelecida pelo físico Klaus Tschira em 1995. O seu objetivo principal é apoiar projetos em ciências naturais, matemática e ciências de computação, promovendo estas áreas junto do grande público.

 

Links

Bookmark and Share

Sobre o anúncio

Id:ann13030

Imagens

Massimo Tarenghi recebe o Prêmio Tycho Brahe 2013
Massimo Tarenghi recebe o Prêmio Tycho Brahe 2013