eso1329pt — Nota de Imprensa Institucional

Estreia mundial do filme “Hidden Universe” em IMAX® 3D

O seu bilhete para as estrelas pelos olhos dos telescópios mais poderosos do mundo, visto no ecrã e em 3D pela primeira vez

1 de Julho de 2013

O filme 3D “Hidden Universe” (Universo Escondido) foi lançado em cinemas IMAX® e cinemas de ecrã gigante em todo o mundo, com estreias marcadas para o dia 28 de junho de 2013 no Centro de Ciências de Great Lakes, Cleveland, Ohio, EUA e para o dia 29 de junho no Planetário Tycho Brahe em Copenhaga, Dinamarca. O filme mostra telescópios de vanguarda em imagens de alta resolução, estruturas celestes a 3 dimensões e simulações 3D da evolução do Universo.

Para visitarmos instalações astronómicas de ponta temos normalmente que viajar até aos locais mais remotos do planeta - tais como os Andes chilenos, a altitudes de 5000 metros. Temos agora, no entanto, uma maneira muito mais fácil de chegarmos a estes sítios extremos.

Agora e pela primeira vez em IMAX® 3D, podemos explorar no ecrã a infraestrutura emblemática do ESO, o Very Large Telescope (VLT), assim como visitar a maior projecto astronómico que existe - o Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA), uma infraestrutura internacional astronómica, apoiada pela Europa, América do Norte e Leste Asiático, em cooperação com a República do Chile, no filme Hidden Universe.

Russell Scott realizou este filme, tendo trabalhado nos locais durante a filmagem em Novembro de 2012. “A experiência de filmar no deserto do Atacama em infraestruturas de observação astronómica de vanguarda foi extraordinária,” diz Russell. “Algumas dos locais nas montanhas dos Andes parecem saídos doutro planeta, e a sensação de natureza - muito para além do que estamos habituados - é exactamente o que eu quero transmitir à audiência.”

A partir destes locais extremos sobre a Terra, o público será levado para o espaço profundo numa viagem de cortar a respiração, através do meio cinematográfico que melhor se adapta a este efeito: IMAX a 3D. Os espectadores poderão espreitar para dentro de galáxias e nebulosas, viajar sobre o terreno de Marte e ver imagens extraordinárias do Sol. O Universo transforma-se em algo vivo através de imagens reais e simulações 3D para ecrã gigante nunca antes vistas, baseadas em dados astronómicos obtidas pelo VLT, pelo ALMA e por outros telescópios tais como o Telescópio Espacial Hubble da NASA/ESA, criando-se assim uma experiência IMAX 3D totalmente envolvente.

“O Hidden Universe explorará o Sol, a nossa ligação humana com o cosmos e as fantásticas imagens de galáxias longínquas de um modo nunca antes visto - dando-nos uma nova visão do Universo,” explica o produtor Stephen Amezdroz.

O filme é narrado pela actriz britânica Miranda Richardson, vencedora de um Globo de Ouro pela sua actuação em Enchanted April e nomeada para um Óscar da Academia e um Globo de Ouro pela actuação em Damage de Louis Malle, papel que lhe valeu ainda um prémio BAFTA.

O Hidden Universe foi filmado em 15/70 mm e foi produzido pela companhia de produção australiana vencedora de prémios, December Media, em associação com Film Victoria, Swinburne University of Technology e o ESO. O filme é também produzido em associação com e distribuído pela MacGillivray Freeman Films, nomeada duas vezes para Óscares da Academia, e a produtora e distribuidora líder mundial de filmes IMAX.

“Estamos entusiasmados por mostrar em IMAX os telescópios do ESO e resultados científicos pioneiros,” disse Lars Lindberg Christensen, Chefe do Departamento de Educação e Divulgação do ESO. “Só o formato IMAX pode efectivamente transmitir a experiência impressionante que é ver em acção os telescópios mais avançados que a humanidade possui!”

Os locais onde o filme estará em exibição serão mantidos e actualizados na página web oficial do filme.

Informações adicionais

O ESO é a mais importante organização europeia intergovernamental para a investigação em astronomia e é o observatório astronómico mais produtivo do mundo. O ESO é  financiado por 15 países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Brasil, Dinamarca, Espanha, Finlândia, França, Holanda, Itália, Portugal, Reino Unido, República Checa, Suécia e Suíça. O ESO destaca-se por levar a cabo um programa de trabalhos ambicioso, focado na concepção, construção e funcionamento de observatórios astronómicos terrestres de ponta, que possibilitam aos astrónomos importantes descobertas científicas. O ESO também tem um papel importante na promoção e organização de cooperação na investigação astronómica. O ESO mantém em funcionamento três observatórios de ponta, no Chile: La Silla, Paranal e Chajnantor. No Paranal, o ESO opera  o Very Large Telescope, o observatório astronómico óptico mais avançado do mundo e dois telescópios de rastreio. O VISTA, o maior telescópio de rastreio do mundo que trabalha no infravermelho e o VLT Survey Telescope, o maior telescópio concebido exclusivamente para mapear os céus no visível. O ESO é o parceiro europeu do revolucionário telescópio  ALMA, o maior projeto astronómico que existe atualmente. O ESO encontra-se a planear o European Extremely Large Telescope, E-ELT, um telescópio de 39 metros que observará na banda do visível e do infravermelho próximo. O E-ELT será “o maior olho no céu do mundo”.

December Media é uma das companhias de produção australianas com mais experiência em filmes documentários. Sediada em Melbourne, a companhia é conhecida pelos seus documentários e séries de qualidade produzidos tanto para o mercado australiano como para o internacional. Com mais de 20 anos de experiência em documentários, educação, séries televisivas animadas e de acção para o público infantil, a December Media contribui com a sua experiência de concepção, financiamento e produção, assim como com uma extensa rede de contactos por todo o mundo relativos a financiamento e distribuição.

Film Victoria, uma agência estatal e parceiro estratégico da indústria cinematográfica, financia e promove filmes originais feitos em Victoria, Austrália, tendo investido, só no último ano, 7,2 milhões de dólares australianos em filmes locais e projectos televisivos. A agência conseguiu levar para Victoria produções de fora do estado e internacionais, incluindo I Frankenstein e as mini-séries da HBO The Pacific, Don´t Be Afraid of the Dark, Where the Wild Things Are, Ghost Rider e Knowing.

Swinburne 3D Productions, em conjunto com o Centro de Astrofísica e Supercomputação da Universidade de Swinburne, é um líder na produção de filmes científicos e visualizações espaciais high-end, combinando dados científicos com técnicas inovadoras de animação CGI e imagens 3D. Especialista em filme, conteúdos interactivos e pacotes educativos, a Swinburne tem mais de dez anos de experiência a produzir filmes stereo a 3D.

MacGillivrary Freeman Films é a principal produtora e distribuidora independente de filmes de ecrã gigante para cinemas IMAX, incluindo os filmes nomeados para um Óscar Dolphins e The Living Sea. Durante os últimos quarenta anos, os filmes da companhia têm sido mostrados em instituições líderes de todo o mundo, fazendo da companhia a primeira produtora de filmes documentários a atingir o marco de mil milhões de dólares de bilheteira. Os filmes da MacGillivray Freeman são conhecidos pela sua arte e mistura bem sucedida entre educação e entretenimento, assim como pela sua celebração da ciência e da natureza.

Links

Contactos

João Fernandes
Departamento de Matemática, Universidade de Coimbra
3001-454 Coimbra, Portugal
Telm.: 914002960
Email: eson-portugal@eso.org

Margarida Serote
ESO Science Outreach Network
Portugal
Telm.: 964951692
Email: eson-portugal@eso.org

Lars Lindberg Christensen
Head, ESO education and Public Outreach Department
Garching bei München, Germany
Tel.: +49 89 3200 6761
Telm.: +49 173 3872 621
Email: lars@eso.org

Lori Rick
Director of Communications, MacGillivray Freeman Films
Tel.: +1 818 212 3434
Email: lrick@macfreefilms.com

Este texto é a tradução da Nota de Imprensa do ESO eso1329, cortesia do ESON, uma rede de pessoas nos Países Membros do ESO, que servem como pontos de contacto local com os meios de comunicação social, em ligação com os desenvolvimentos do ESO. A representante do nodo português é Margarida Serote.

Sobre a Nota de Imprensa

Nº da Notícia:eso1329pt
Tipo:• Unspecified
• X - Events

Imagens

Poster do filme Hidden Universe produzido em IMAX 3D
Poster do filme Hidden Universe produzido em IMAX 3D
Cena do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, que mostra a Nebulosa Carina
Cena do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, que mostra a Nebulosa Carina
Cena do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, que mostra a superfície de Marte
Cena do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, que mostra a superfície de Marte
Cena do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, que mostra a Nebulosa Helix no infravermelho
Cena do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, que mostra a Nebulosa Helix no infravermelho
Cena do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, que mostra o interior do Very Large Telescope
Cena do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, que mostra o interior do Very Large Telescope
Cena do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, que mostra as antenas ALMA
Cena do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, que mostra as antenas ALMA
Malcolm Ludgate, diretor de imagem do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, com uma câmara IMAX
Malcolm Ludgate, diretor de imagem do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, com uma câmara IMAX
Malcolm Ludgate, diretor de imagem do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, a filmar
Malcolm Ludgate, diretor de imagem do filme Hidden Universe, produzido em IMAX 3D, a filmar
Formação rochosa no deserto do Atacama
Formação rochosa no deserto do Atacama

Vídeos

Hidden Universe em 30 segundos
Hidden Universe em 30 segundos

Veja também