Conjunção celeste no Paranal

No céu nocturno do Observatório do Paranal, sobre o Very Large Telescope do ESO (VLT), a Lua brilha em conjunção com dois companheiros brilhantes. Alto no céu e brilhando ao centro da imagem encontra-se Vénus, o vizinho planetário mais próximo da Terra. À sua direita temos o gigante, se bem que mais distante, Júpiter. Estas posições aparentes muito próximas no céu- embora os corpos celestes estejam na realidade a dezenas ou centenas de milhões de quilómetros de distância uns dos outros - são chamadas conjunções.

Outros aspectos diferentes fazem a delícia desta vista nocturna do Paranal: o plano radiante e avermelhado da Via Láctea, aparecendo no horizonte e um dos Telescópios Principais de 8,2 metros do VLT, assim como um Telescópio Auxiliar de 1,8 metros, ambos firmemente pousados no chão.

Créditos:

ESO/Y. Beletsky

Sobre a imagem

Id:yb_vlt_moon_cnn_cc
Língua:pt
Tipo:Fotográfico
Data de divulgação:3 de Dezembro de 2009 às 23:21
Tamanho:3632 x 2432 px

Sobre o objeto

Nome:Paranal
Tipo:• Unspecified : Technology : Observatory
• X - Paranal
• X - Solar System

Mounted Image

Formatos de imagens

JPEG grande
2,3 MB

Papéis de parede

1024x768
285,1 KB
1280x1024
460,0 KB
1600x1200
650,2 KB
1920x1200
780,7 KB
2048x1536
1004,7 KB

 

Veja também